Ir para conteúdo


Ir para conteúdo

Prefeitura

 
Dê sua opnião
Enquete da Prefeitura
Vote e veja os Seta Resultados
O que você achou do novo portal?
Ótimo.
Bom.
Regular.
Ruim.
Não Gostei.
Unidades Fiscais
UFM 2017 - R$ 3,1223
Notícias
Principal   Notícias
 
20/01/2017
› GRANDE NÚMERO DE LARVAS DO MOSQUITO AEDES AEGYPTI É ENCONTRADO EM BAIRROS DE GUARARAPES

Uma pesquisa realizada pela Vigilância Sanitária de Guararapes, no início de janeiro, a ADL (Avaliação de Densidade Larvária), identificou o nível de infestação do mosquito Aedes Aegypti no município. 

Nos cinco setores visitados pelos agentes da VISA/PACS, 14 amostras de larvas do mosquito Aedes Aegypti  foram encontradas, principalmente, em ralos de quintal e pratos de plantas.

Esta avaliação, que é feita de três em três meses, foi a primeira do ano de 2017 e considerada a mais importante, já que janeiro é um mês de verão e com muita chuva.

Segundo a educadora da saúde da Vigilância, Elaine Bracco,  este índice apresentado de larvas é considerado muito alto e alarmante, e o risco de uma nova epidemia é iminente. “ A VISA/PACS orientam, mas o trabalho de prevenção deve ser feito pelo morador.As pessoas têm conhecimento do que fazer, mas falta conscientização” disse.

Os agentes estão percorrendo casa a casa e ações como: trabalho  aos sábado e arrastões todas as quartas-feiras estão sendo feitas, além do trabalho de rotina. Um levantamento mostra que no período de 2 a 20 de janeiro deste ano, 38 imóveis foram encontradas com larvas do mosquito. Quando encontrado larvas do mosquito em uma residência o morador recebe uma notificação e na reincidência será multado no valor de R$ 312,24.

A prevenção é a única arma contra o mosquito Aedes Aegypti. A melhor forma de se evitar o mosquito é eliminar os recipientes que acumulam água, locais propícios para a criação do mesmo.

Além da dengue, a zika, a chikungunya e a febre amarela são doenças transmitidas pelo mesmo vetor: o mosquito Aedes Aegypti.Todas elas têm as mesmas características sintomáticas: febre alta, dor no fundo dos olhos, vermelhidão na pele, coceira e distúrbio gástrico. Ao sentirem alguns destes sintomas, procure uma unidade de saúde para orientações.

Em 2015, Guararapes passou por uma epidemia da doença. Foram confirmados 2.559 casos e seis pessoas morreram. Em 2016, 54 casos foram confirmados e nenhuma morte.

É importante lembrar que essas doenças são um problema de todos nós e a responsabilidade também.

 
 
 

 

Endereço - Av. Marechal Floriano, n° 565
CEP: 16700-000 | Guararapes - SP

Tel: (18) 3606-8000
Atendimento de segunda-feira a sexta-feira, das 09h às 11h e das 13h às16h.
RECEBA OS INFORMATIVOS
Brasão
© Copyright Instar - 2006-2017. Todos os direitos reservados. Instar Internet

icone instar © Copyright Instar - 2006-2017. Todos os direitos reservados.